Pesquisar este blog

domingo, 31 de janeiro de 2010

EVANGELIZAR


Comunicar uma alegre notícia foi a missão de Jesus, enviado pelo pai, a um povo mergulhado no desanimo e na escravidão. Jesus mostrou os sinais de um mundo novo. Ao se ausentar pela sua ascensão, disse: “Vão pelo mundo”. Evangelizar se tornou, portanto, a razão de ser da igreja no mundo.

Ao longo dos 500 anos, aqui no Brasil a igreja se sentindo enviada, fez a proclamação da boa nova. Hoje completando esse tempo, fala-se de uma nova evangelização. Não quer dizer que a primeira foi simplesmente falha ou inútil. Trata-se de reconhecer que estamos num tempo novo e com desafios novos. Para este tempo a igreja precisa ter uma resposta nova.

Fazer uma nova evangelização nos dias de hoje, é atualizar o discurso e considerar as situações novas que existem na sociedade e na vida das pessoas, iluminando toda vida, com as palavras de Jesus que estão no seu evangelho.

O centro da nova evangelização deve ser sempre a pessoa de Jesus. Proclamar sua vida, a sua mensagem, a sua morte e a sua ressurreição. É a pessoa dele e a força de sua palavra que deve causar o impacto do novo que transforma o coração e as estruturas.

Teremos uma nova evangelização quando cada um tomar como meta decisiva o anúncio alegre da boa nova através da palavra e do testemunho. Ide, eu estou enviando vocês. “Evangelizar com renovado ardor missionário”. Isso significa que o espírito de Jesus está presente animando a caminhada que conduz ao crescimento do reino.


















Nenhum comentário:

Postar um comentário