Pesquisar este blog

sábado, 18 de setembro de 2010

Oração

Hoje, na sociedade em que vivemos, estamos diante de um grande desafio: A oração. A tradição da igreja católica recomenda uma prática de oração silenciosa. O  próprio Jesus, mestre  da oração, recomenda não multiplicar as palavras. Depois que é batizado no jordão, por João, Jesus é conduzido para o deserto e lá permanece por 40 dias. O deserto é o lugar da provação e do silencio.
Hoje nós perdemos a importancia do silencio e a necessidade de vivenciá-lo. Muitas vezes as adorações em nossas comunidades, durante uma hora, acontecem sem nenhum momento de recolhimento. Na realidade, são momentos de pregação e de louvor, sem a adoração. Na verdade, precisamos colocar os nomes certos nos momentos corretos. É certo que nas adorações se fala demais. Parece até que Jesus não sabe da nossa necessidade. Ele nos garantiu que antes de pronunciarmos a nossa necessidade Ele já sabe o que vamos pedir. Portanto, Deus nos fala sobretudo através do silêncio. è preferível meia hora de silêncio do que duas horas de barulho que não leva a nada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário